quarta-feira, dezembro 26, 2007

7 meses com Guilherme

Mais um mês se passou, agora já fazem 7 meses que baby Gui está entre nós. É impressionante como desenvolvimento dos pequenos nesta idade é rápido!

Guilherme está começando a se locomover de verdade, já consegue arrastar quase um cômodo inteiro! Quando colocamos o pequeno sentado ele consegue mudar para a posição “quatro apoios” com facilidade, aí balança para frente e para trás como quem quer sair do lugar, mas ainda não descobriu como é o mecanismo de engatinhar. Adora ficar em pé e consegue fazer isso sozinho quando se segura em algum móvel. Também gosta de pegar nos nossos dedos e ameaçar alguns passinhos, algumas vezes até se anima e fica pulando no mesmo lugar, morre de rir desta brincadeira!

O gostoso está pesando 8,600 kg (este mês engordou 750g) e medindo 68 cm, é um glutão de primeira! A novidade no cardápio é a carne desfiada, podendo ser frango ou músculo. Como o peso já está um pouco acima da linha central da curva, resolvi cortar o danoninho e a geléia de mocotó, a única sobremesa que ainda está liberada é a gelatina, mas com moderação. Não pode nos ver comendo nada que também quer um pouquinho, principalmente sorvete de creme, ele é louco por sorvete de creme!

Enche a casa com seus gritinhos e barulhos, quando quer alguma coisa imita uma tosse falsa como se fosse começar a chorar, muito engraçado! Quando quer mamar olha para o peito e puxa a minha roupa, se não der logo ele finge que está chorando, é um artista!

Agora ele já dá sinais de suas preferências, não pode me ver que já quer o meu colo, esteja onde estiver ele joga os braços e começa a se balançar pedindo para pega-lo. Também está cada dia mais apaixonado pelo pai e suas brincadeiras, adora o banho expresso que toma todos os dias com ele no chuveiro.

Este mês tivemos que abaixar o berço, pois pegamos o moleque em pé com a cabeça para fora olhando para o chão, um convite para o tombo. Esta mudança parece um detalhe muito pequeno, mas é um verdadeiro marco na vidinha dele.

Nenhum comentário: