sexta-feira, julho 30, 2010

Só um gostinho...

Hoje a Studio C, equipe que fez a filmagem do aniversário, entrou em contato e para nos entregar o DVD. Estou ansiosa para ver o resultado.

Pro pessoal que já me cobrou as fotos da festa do Gui, deixo aqui só uma pequena amostra do que a Beta andou aprontando com suas lentes por lá.

Beijos e bom final de semana para todos!!!






quinta-feira, julho 29, 2010

Os desenhos de Guilherme

Deve ter cerca de um mês que eu descobri que Guilherme começou a desenhar com perfeição. Engraçado com de repente eles abandonam os simples rabiscos e começam a construir formas mais concretas.

Estávamos em casa em um dia depois do trabalho, e eu o convidei para desenhar. Peguei o papel, os lápis e começamos a brincar enquanto Dudinha ficava sentadinha observando tudo o que fazíamos.

Gui disse que ia desenhar o Buzz, personagem do seu atual desenho predileto, “Toy Story”. Eu estava esperando rabiscos apenas, mas quando olhei melhor para o papel, pude perceber que meu pequeno desenhou a cabeça, as pernas, os braços e o que achei mais incrível, os olhos nariz e boca! Fiquei tão emocionada em ver que o meu pequeno menininho de apenas 3 anos já começa a virar um rapazinho de verdade!

Neste mesmo dia ele disse que ia escrever no desenho o seu nome, aí foi falando bem devagarzinho G-U-I-L-H-E-R-M-E B-E-R-N-A-R-D-I e no lugar das letrinhas ia desenhando bolinhas, como se fossem as letras que ele já imagina que pode reproduzir...

Estou me preparando, pois sei que em pouco tempo poderei perceber as primeiras letrinhas do me garotão em uma folha qualquer...

Aproveitei um desenho que estava exposto na escola, no dia da festa junina para fotografar e registrar aqui os primeiros traços do pequeno artista daquela casa.





quarta-feira, julho 28, 2010

Peixe Urbano

Vocês já ouviram falar no peixe urbano? É um site que disponibiliza promoçoes e descontos todos os dias para bares, restaurantes, clínicas de estética e outros serviços. Eu achei a proposta super legal e estou encaminhando o link para quem quiser conhecer e se cadastrar, eles enviam um e-mail com as promoções do dia para o seu e-mail!
Eu, que sou uma rata de promoções, já me cadastrei!

http://www.peixeurbano.com.br/convite/A4AC

Bjs

Lucia

quinta-feira, julho 15, 2010

Shrek 4 – O Capítulo final

Ontem, por uma conjunção maravilhosa dos astros, eu e Fábio conseguimos chegar em casa do trabalho super cedo, acho que antes de 17:30h já estávamos agarrando os nossos pequenos. Bom demais!!!


O engraçado, é que é tão difícil a família toda já estar unida e disponível neste horário que ficar em casa nos pareceu até um desperdício de tempo. Imediatamente decidimos ir ao cinema ver o novo filme do Shrek. Corre para ver o horário da sessão no jornal, pega o casaco da criançada, coloca fraldinha na bolsa e pronto! Rumamos em direção ao shopping!


O cinema estava super cheio, acho que todo o bairro resolveu aproveitar a noite de quarta feira chuvosa para pegar um cineminha, impressionante! Enfrentamos a fila, compramos nossos ingressos, – que desta vez não foram 3D pois a sala já estava lotada - compramos uma pipoca bem grandona e fomos nos preparar na sala, afinal com a Duda a tira colo é preciso acomodar o carrinho com bastante calma para que tudo dê certo durante as duas horas de exibição. Por sinal, vale a dica para mães que precisem levar o carrinho, que as novas salas de cinema da Kinoplex e do Cinemark dispõem de espaços especiais para cadeirantes e podemos utilizar estas áreas para acomodar os carrinhos de bebê, além disso a acessibilidade da sala é feita com rampas, possibilitando que mesmo sozinhas possamos chegar aos acentos.


A sessão começou e eu, que não tinha nenhuma grande expectativa para o filme, me surpreendi totalmente! Me deparei com um conto de fadas super lindinho, com uma abordagem que se encaixa a vida de muitas de nós e que nos emociona de cara! Adorei!


Neste filme, que infelizmente será o último da série, o ogro Shrek, que agora é um homem casado e pai de três lindos bebezinhos, começa a sentir saudade dos tempos em que era solteiro e levava uma vida sem compromissos, quando se vê padecendo no paraíso da rotina de uma família feliz. A verdade é que Shrek está passando pela típica crise da meia idade! Quando durante a festa de aniversário de um ano dos bebês, ele explode ao ser massacrado por todas irritações que podem ocorrer com um homem durante uma festinha infantil.


É quando aparece Rumpelstiltskin, que lhe oferece um malicioso negócio para que Shrek possa viver apenas mais um dia como um ogro solteirão, claro que em troca o esperto Rumpelstilskin pediu algo em troca e com isso consegue mudar toda a trajetória da vida de todos em Tão Tão Distante, fazendo como se Shrek nunca tivesse nascido e viva as suas 24 horas em uma vida paralela, onde seus amigos não o conhecem. Fiona é uma princesa guerreira que lidera uma rebelião contra o regime de Rumpelstiltskin, e não tem interesse algum em conceder a Shrek o beijo de amor verdadeiro que representa a única maneira de romper o feitiço. O gato de botas, deixa de ser corajoso e galante e passa a ser o bichinho de estimação de Fiona, bem no estilo dos gatos gordos americanos, por sinal, super engraçado!


A história é realmente linda, ver o grande ogro verde fazendo de tudo para conquistar a sua amada e ter de volta a sua família, é de tirar gargalhadas e lágrimas de qualquer marmanjo. Se eu chorei? Mas é claro!

E você, tá passando pela crise da meia idade? Acha que a coisa mais animada que tem feito na vida é trocar fraldas e ter uma noite mal dormida? Tá com saudade dos tempos em que seu maior compromisso era se arrumar para a balada? Vai correndo ver Shrek, tenho certeza que você vai adorar!!!


Guilherme adorou o filme, ficou super atento a todos os detalhes e perguntou sobre tudo o que não entendia, inclusive mandou uma ótima no meio da exibição, me perguntando o que era “botar para quebrar”, quando escutou Rumpelstiltskin dando esta ordem aos súditos do reino durante uma das cenas. Dudinha em contra partida, ficou pendurada no peito o filme todo e não abriu o olho um minutinho sequer, ao final do filme as luzes se acenderam e ela finalmente despertou com um enorme sorriso nos lábio, uma santa criatura esta minha filha!


Voltem aqui para em contar o que acharam do filme, ok?! Vou ficar esperando!

terça-feira, julho 13, 2010

Falando coisa feia

Ontem, como sempre faço, cheguei do trabalho, dei o peito para Duda e sentei com os dois no tapete para brincar um pouco. Duda fica entretida com as atividades do seu tapetinho e com os seus brinquedos, enquanto isso eu e Gui brincamos de desenhar e montar quebra-cabeça. - Ultimamente tenho escolhido atividade de concentração neste horário para ver se diminui o agito e ajuda o pequeno a pegar no sono mais cedo e ter noites bem tranquilas.

Tudo estava correndo bem, ele não parecia mais agitado e nem menos concentrado do que é o normal para uma criança de 3 anos. Quando na hora de guardar os brinquedos ele fala bem baixinho “- guarda logo esta p...”. Eu não acreditei no que havia escutado e logo disse: “-o que você disse Guilherme!” Ele tomou um susto e se tremeu todo colocando a mão na boca, o que quer dizer que sabe bem que estava fazendo algo muito errado. Poucos minutos depois e ainda antes que terminássemos de guardar o brinquedo ele repetiu a mesma frase, desta vez um pouco mais alto e com mais clareza. Eu briguei mais uma vez e disse que era muito feio falar palavrão. Pedi que ele não repetisse mais.

Lá em casa, eu e Fabio não falamos muitos palavrões – eu bem menos do que ele – mas algumas vezes escapa. Apesar de acreditar que ele pode estar escutando isso na escola, de algum amiguinho, decidi que de hoje em diante nenhum palavrão vai sair da minha boca e já pedi ao pai que fizesse o mesmo. Crianças repetem tudo e depois que descobre que é errado e chama a atenção, aí é que repetem mesmo!

Fiquei na dúvida se tomei a atitude certa, pois já ouvi falar que repreender nem sempre é a melhor estratégia, já que estamos dando ibope para o que foi dito. Só que fiquei completamente arrasada de ver meu filho de apenas 3 anos dizendo uma coisa assim. Sei que não foi um palavrão muito cabeludo, mas fico achando que para repetir outros vai ser só um passo.

Meu pai, que é muito fanfarrão e sem nenhuma dúvida é o maior dicionário de palavrões que conheço. Guilherme adora o avó e suas brincadeira brutas e exageradas. Na primeira oportunidade repreendi me pai e disse que era feio falar palavrão. Pedi ao Gui que também repreendesse o avô e não o deixa-se falar palavrão. Claro que no final tudo virou brincadeira e os palavrões ali passaram a ser inconstitucionalissimamente e paralelepípedo.

Acho que ter dado a ele a responsabilidade de não permitir que o avô fale palavrões pode ter sido uma saída, já que sei que é impossível evitar que o pequeno escute isso na rua. De qualquer forma estou muito atenta para que o tiro não saia pela culatra!

Seu filho já repetiu palavrões ou palavras feias em casa? Quantos anos ele tem? O que você fez para repreende-lo? Surtiu efeito?

quinta-feira, julho 08, 2010

O primeiro dente de Dudinha e a rotina escolar

No último sábado tivemos uma grata surpresa, o primeiro dentinho da Duda apareceu! Ainda não dá para ver o pedacinho branco dentro da boca, mas passando o dedo na gengiva podemos sentir a serrinha que já está para fora.


Em breve estaremos dando adeus aquele sorriso banguela, que eu amo tanto, para dar espaço a muitos dentinhos brancos e lindos!


Fiquei muito feliz e orgulhosa com a chegada deste primeiro dentinho, mas ao mesmo tempo sinto um enorme aperto no coração em saber que em muito pouco tempo daremos adeus a era dos bebês pequenos em casa... Minha bebêzinha está crescendo e se desenvolvendo muito depressa e acho que no último mês, com a entrada dela no berçário da escolinha e minha volta ao trabalho, tudo pareceu passar ainda mais rápido!


A adaptação na escolinha foi bem tranqüila, tanto para ela quanto para mim, que por já conhecer a tia Cátia desde os tempos que Guilherme freqüentava o berçário, fiquei com o coração bem mais aliviado. Hoje, acompanhar o irmão e seguir para a escola todos os dias, já faz parte da rotina dela.


Guilherme está achando um barato ter a irmã por perto em seu ambiente escolar, segundo a tia Glorimar me contou, ele costuma ir até o berçário todos os dias visitar a irmã e fica todo orgulhoso quando seus amiguinho querem pegar a pequena. Esta se sentindo um literalmente um garoto grande!


Aproveito o post, para deixar algumas fotos da adaptação, sei que ela já cresceu bastante desde as fotos para cá, mas vale o registro! Qualquer dia destes manda a câmera na mochila para podermos espiar mais um pouquinho.






segunda-feira, julho 05, 2010

Toy Story 3

No último domingo, Guilherme e Duda foram ao cinema assistir o fim da trilogia de Toy Story. Confesso que levar os pequenos se torna apenas uma desculpa, pois o filme é diversão garantida para adultos e crianças.

Tudo começou ainda pela manhã, quando minha mãe convidou o rapaz para ir ao cinema, é claro que o filme escolhido não poderia ser outro, Toy Story 3 e em sala 3D!!!

Optamos por comprar o ingresso pela internet, no site ingresso.com - por sinal, excelente opção, pois você compra os ingressos e marca os acentos ainda em casa, garantindo assim uma posição estratégica para as crianças na sala. No nosso caso, escolhemos cadeiras ao lado do espaço para deficientes, assim pudemos estacionar o carrinho de Duda sem maiores problemas. Ao chegar ao cinema, com a impressão na mão, você segue direto para a sala de cinema, sem precisar enfrentar fila no guichê.

Guilherme passou o dia indócil aguardando o grande momento de seguir para o cinema, enquanto Dudinha nem percebia o que estava acontecendo a sua volta, a pequena entrou de gaiata neste navio, já que não tínhamos com quem deixá-la, afinal ninguém queria perder as aventuras do Xerife Woody e sua turma.

Chegamos ao cinema, pegamos nossos óculos 3D e nos sentamos para esperar o início do filme. Guilherme estava compenetrado e comportado, como bom rapazinho que já é, enquanto a irmã, mamou no peito por cinco minutos e adormeceu como um anjo na sala de cinema.

O filme começou e dai para frente foram quase duas horas de muita diversão para os pequenos e muita emoção para os adultos. Ver o menino Andy, aos 17 anos, dando adeus a sua mãe e aos seus brinquedos fez muita gente grande chorar!

Assim como toda produção Disney, Toy Story 3 é irretocável, perfeita em cada detalhe de sua animação, com um ritmo no enredo que consegue prender qualquer criança com mais de dois anos de idade! Absolutamente fantástico!

O 3D do filme é um show a parte. Incrível como a animação em 3 dimensões evoluiu em pouco tempo! Não existem comparações que possam ser feitas do último filme que vi em 3D, que foi Era do Gelo 3, para a de Toy Story. A realidade dada na profundidade das imagens é espetacular!

Saímos do cinema completamente encantados, este é o efeito que a Disney causa sobre nós, encantamento total!

Ainda antes de voltar para casa, tiramos fotos do pequeno no painel com os personagens. Fica ai a minha dica, não deixe de fazer o registro, pois a foto fica bem legal!

À noite, Guilherme ainda estava sob o efeito de toda aquela fantasia e demorou para pegar no sono. Esta noite ele dormiu fantasiado de Xerife Woody e abraçado com seus bonecos de Woody e Buzz. O repertório de seu mini DVD... Alguém pode imaginar qual foi? Nos próximos dias, provavelmente ele vai continuar indo para a cama assim, fantasiado. Tenho certeza seus sonhos serão ainda mais coloridos e encantados pela magia deste mundo de brinquedos que o filme nos trouxe.



sexta-feira, julho 02, 2010

Extra – Resultado do sorteio

Estamos aqui, eu e minha tia Verônica, para contar para vocês o resultado do sorteio dos ingressos para a peça “O soldadinho e a bailarina”.

Fizemos o sorteio em casa, logo após a triste derrota do Brasil, nos moldes tradicionais. Eu escrevi os nomes em pedacinhos de papel, coloquei os do Criative-se em um potinho e os do blog das criancas em outro. Preparamos a máquina e filmamos tudo, eu narrando, com a pequena Dudinha, que acabara de acordar, no colo e Gui ao meu lado em pé em uma cadeira. Enquanto isso minha tia manipulou a máquina. Gui sorteou o primeiro nome entre as participantes do Criative-se e o segundo entre os participantes do Blog das Crianças.

Depois dos nomes sorteados, fomos conferir o resultado da filmagem e descobrimos que algo deu errado e o filme não aconteceu. Não achei justo com as vencedoras anular o primeiro sorteio por conta do vídeo, portanto deixo aqui para vocês apenas o nome das vencedoras que foram:

Criative-se (ingressos para sábado): Ana Luisa Peretti

Blog do Gui e da Duda (ingressos para domingo): Emmanuele

O nome de vocês estará na bilheteria do Teatro, chegando lá basta procurar a produtora do evento Paula Salles e retirar os seus ingrssos.

Um beijo a todas,

assinatura lúcia